Tag do artigo: Compras em Ciudad del Este

NOVA COTA DE US$ 500 NO PARAGUAI

Desde o dia 1 de janeiro deste ano, o limite de isenção de impostos para compras, também conhecido como “cota”,  para quem atravessa a fronteira por via terrestre passou de US$300 para US$500.

De repente, ganhamos o direito de adquirir mais produtos, mas é preciso lembrar das regras de limites quantitativos, aquelas que impõem regras sobre a quantidade de itens idênticos e com mesma finalidade que podemos adquirir, mas que quase ninguém lembra. Quando esses limites quantitativos são ultrapassados, suas compras podem ser classificadas como “para fins comerciais” e quando isso acontece, você pode perder o direito ao limite de isenção de imposto e até mesmo ter suas compras adquiridas no exterior apreendidas. 

Mesmo com o aumento da cota, boa parte das regras de limites quantitativos se mantiveram inalteradas, mas fique atento porque algumas foram reduzidas.

 

Vamos lembrar como eram antes?

Dentro do limite da antiga cota de US$300, alguns produtos possuíam restrições de quantidade, e outros tinham sua quantidade definida pelo valor. Veja o exemplo abaixo:

 

  • Bebidas Alcoólicas: 12 litros
  • Cigarros estrangeiros: 10 maços
  • Charutos ou cigarrilhas: 25 unidades
  • Fumo: 250 gramas
  • Bens com valor até US$10: até 20 unidades e no máximo 10 idênticos
  • Bens com valor acima de US$10: até 20 unidades e no máximo 03 idênticos

 

Como ficou agora…

Os itens com quantidades restritas permanecem os mesmos, porém, o valor que limita a quantidade dos itens indefinidos mudou. Veja como ficou agora:

 

  • Bebidas Alcoólicas: 12 litros
  • Cigarros estrangeiros: 10 maços
  • Charutos ou cigarrilhas: 25 unidades
  • Fumo: 250 gramas
  • Bens com valor até US$5: até 20 unidades e no máximo 10 idênticos
  • Bens com valor acima de US$5: até 10 unidades e no máximo 03 idênticos

 

Veja no quadro abaixo a comparação entre o “antes”e o “agora”:

 

Tabela nova cota US$ 500

 

 

Outra cota de isenção que sofreu alteração e tem confundido muitos viajantes é a famosa cota de compra dos free shops.

É preciso lembrar que agora temos duas modalidades de free shops aqui no Brasil:

 

Free Shops de Aeroporto

Nos free shops de aeroporto, aqueles que a gente tem acesso geralmente no setor internacional quando voltamos de uma viagem ao exterior, a cota era de US$500 e desde de 01 de janeiro deste ano, passou a ser de US$1.000.

 

Free Shops de Fronteira

Agora, temos também a opção de free shops de fronteira, que funcionam em cidades brasileiras que fazem fronteira com outros países do Mercosul. 

Embora a cota dos free shops de aeroporto tenha aumentado, bem como a cota para compras no exterior via aérea e/ou marítima (de US$500 para US$1.000) e compras no exterior via terrestre, que é o caso de quem viaja a Foz do Iguaçu para ir às compras no Paraguai (de US$300 para US$500), a cota para compras nos free shops de fronteira não sofreu alteração e continua sendo de U$300.

 

Aqui em Foz do Iguaçu, além da opção de compras no Paraguai, temos dois free shops de fronteira. Um deles deve ser aberto ao público em no máximo 30 dias enquanto o outro ainda aguarda liberação para funcionamento. Nesses free shops, quem viaja a Foz do Iguaçu poderá adquirir US$300 sem interferir na cota de US$500 das compras no Paraguai.

Aqui, também temos a opção de fazer compras no Duty Free Shopping, na fronteira com a Argentina, porém, as compras feitas neste, por estar instalado no território argentino (ou seja, fora do Brasil) não são beneficiadas pelo regime de isenção de compras dos Free Shops terrestres. Compras feitas no Duty Free Shopping da Argentina interferem no limite de compras de U$500. 

 

Vamos ao resuminho:

Viajando para Foz do Iguaçu, o viajante tem direito a isenção de impostos para compras de até US$500 (somando as compras de Ciudad Del Este e do Duty Free Shopping da Argentina) e mais US$300 em compras nos Free Shops instalados em Foz do Iguaçu, totalizando assim, U$800 de limite de isenção. 

 

Confira nosso vídeo sobre o assunto:

 

Com todo esse aumento de limite, e essas opções de “onde comprar”, separar apenas um dia para compras em seu roteiro é no mínimo arriscado. Programe-se para ter pelo menos dois dias para compras no roteiro de viagem, aproveitando assim, o que a fronteira tem de melhor a oferecer como destino de compras. 

E claro, se você pretende ir uma ou mais vezes às compras no Paraguai e Duty Free, a melhor opção de transporte é o TRANSFLIX da Loumar Turismo. O Transflix é um pacote de passeios que inclui os principais atrativos da fronteira, incluindo compras no Paraguai e Argentina, e você paga apenas uma vez e utiliza quantas vezes quiser durante o tempo de sua estadia. Para saber mais sobre Transflix, assista aos vídeos disponíveis no Canal da Loumar Turismo no Youtube. Se preferir, pode conversar com os consultores da Loumar clicando aqui. Quer economia, conforto e segurança no passeio de compras? Vai de Transflix!

 

Espero que este texto tenha esclarecido suas dúvidas, mas se restou alguma, deixa a dúvida aqui nos comentários que estaremos respondendo a todas.

10 dicas para aproveitar a Black Friday no Paraguai

Estamos há pouco mais de um mês para a Black Friday e você, que está pensando em economizar no Paraguai, precisa se preparar. 

Por isso, estou aqui para te dar algumas dicas que vão te ajudar a ficar esperto na hora de tentar garantir aquele desconto maroto e não levar a pior na Black Friday das lojas do Paraguai.  

Nas edições anteriores, as lojas do Paraguai não respeitaram dias fixos entre elas. Ou seja, cada loja fez a sua data de promoção como bem quis, mas claro, dentro do mês de novembro, que é o mês da Black Friday. Mas dessa vez, a promoção vai ser um pouco diferente. 

Segundo o Portal de Notícias Clickfoz, o comércio de Ciudad del Este (CDE) vem se reunindo para fazer a implementação da nova edição da Black Friday e garantir o sucesso da promoção. Com isso, a edição 2019 da Black Friday, reunirá os principais grupos comerciais de CDE e realizarão o evento do dia 14 a 17 de novembro.

Sendo assim, sabendo das datas, fica ainda mais fácil se programar. Mas, é necessário também, ficar de olho nas redes sociais das empresas que você pretende comprar, e verificar se eles não irão estender a promoção, ou realizar outras durante o mês de novembro. 

 

Leia mais

Para não comprar perfumes falsificados em Ciudad del Este

perfumes no paraguai

Quando a gente pensa em Compras no Paraguai, um dos segmentos mais procurados e que geralmente apresentam maior diferença de custo do lado de lá da ponte se comparado com o Brasil, são os perfumes importados. Em se tratando do comércio de Ciudad Del Este, preço baixo não deve ser o único detalhe a ser observado antes de decidir comprar esse tipo de produto.

Para te ajudar a não comprar gato por lebre, criamos uma pequena lista de detalhes a serem observados que com certeza irão lhe ajudar a comprar um perfume original.

DESCONFIE DO MENOR PREÇO

Fazer uma pesquisa de preços antes de decidir onde comprar é primordial no Paraguai, mas fique atento, Ciudad Del Este tem muitas lojas, mas pouquíssimas importadoras. Encontrar pequenas variações de preços no mesmo produto entre uma loja e outra é “normal”, mas encontrar uma grande diferença de preço (para menos) pode ser um indício de “Produto Paralelo” ou falsificado.

Observação
Perfume Tester é aquele perfume que o fabricante envia gratuitamente (ou com um custo irrisório) para o lojista fazer a demonstração do produto. Ele não deveria ser vendido, mas em Ciudad del Este a venda de testers é comum. Tester não é falsificado, geralmente é vendido abaixo do valor de mercado e vale a pena comprar.

SE ATENTE AOS PEQUENOS DETALHES DAS EMBALAGENS

Além da caixa, os perfumes costumam vir embalados em um plástico filme transparente. Este plástico deve estar totalmente esticado e envolvido na caixa toda, sem dobras, sem rugas e nunca violado.A costura deste plástico geralmente não é larga e muitas vezes é imperceptível. Costuras largas podem ser o indício de uma falsificação.

As informações contidas nas laterais ou no fundo da caixa geralmente se apresentam em inglês ou francês. Fique atento a pequenas imperfeições em desenhos como o das flechas sobrepostas que formam um círculo e sinalizam a “embalagem ecológica” e na dúvida, use a internet da loja para baixar uma imagem da embalagem do perfume que está comprando para comparar com a que lhe está sendo entregue.

O número de lote, geralmente gravado em baixo relevo na embalagem deve ser o mesmo que consta no vidro do perfume.

Em Ciudad Del Este a maioria dos perfumes tem um selo colado por cima do plástico filme que envolve a embalagem onde consta os dados da importadora que trouxe aquele produto pra dentro do país. Os fabricantes também não economizam em papelão (aquele que impede o vidro de chacoalhar dentro da embalagem) então se o vidro se apresenta solto dentro da embalagem, isso pode ser indício de perfume falsificado.

DETALHES NO FRASCO TAMBÉM DEVEM SER CONSIDERADOS

Geralmente, o frasco do perfume é feito de vidro, com marcas e nomes detalhados no próprio vidro, sem etiquetas adesivadas. Os detalhes prensados ou estampados no vidro geralmente são simétricos e acompanham a forma do frasco. Frascos que apresentam detalhes grosseiros e diferentes espessuras podem ser um indício de perfume falsificado.

CUIDADO COM NOMES E LOGOMARCAS PARECIDAS

Muitas vezes, você não compra um perfume falsificado. Você só compra um perfume cuja embalagem, nome, cor e logomarca são extremamente parecidas com o que você realmente buscava. Os falsificadores costumam usar a mesma fonte de letra, cores e nomes de tamanho e letras iguais ao original.

Exemplo: J’adore (original) já J’Apadore (falso)

Já houve relatos de casos em que números são usados de forma tão parecida que em uma olhada rápida você leva um pensando que está levando outro.

Exemplo: 212 Sexy (original) já  717 Sexy (falso)

Leia mais de uma vez, olhe com cuidado cada detalhe da embalagem e tenha certeza que seu cérebro e seus olhos estão enxergando a mesma coisa.

COR DO LÍQUIDO

Os grandes fabricantes costumam lançar perfumes de cores claras, líquidos de cor escura podem ser o indício de excesso de corante e excesso de corante pode ser o indício de uma falsificação.

ODOR E FIXAÇÃO

Fixação é algo que muitos verificam, mas isso varia de pele para pele. Já o odor de álcool, jamais pode ser forte. Perfumes originais usam quantidades mínimas de álcool e um forte odor de álcool (mesmo depois de algum tempo na pele) pode ser um indício de perfume falsificado.

Pronto, agora você já está preparado para ir em busca das melhores fragrâncias em Ciudad Del Este, mas lembre-se: observar todos esses detalhes ajudam, mas escolher uma loja séria e que tenha tradição é sempre mais seguro.

ebook compras no paraguai

Quer saber mais sobre Compras no Paraguai? Compre agora mesmo o eBook “Compras no Paraguai – O Guia Definitivo” e vire um expert em Compras no Paraguai e Ciudad Del Este.

Youtube Loumar

Black Friday em Ciudad del Este: O que esperar?

Considerada uma das datas mais aguardadas do ano por lojistas e consumidores, a Black Friday se originou nos Estados Unidos e nos dias atuais acontece em vários países. No Brasil a Black Friday acontece desde 2009 e já faz parte do calendário anual de grandes eventos.

Black Friday em Ciudad del Este: a primeira edição da promoção aconteceu no feriado do Dia das Mães de 2012 e atraiu mais de 60 mil consumidores para a cidade durante os quatro dias do evento. O volume de negócios, estimado em U$ 130 mi para os quatro dias, foi superado com 24 h de antecedência. A primeira edição do evento não teve a adesão de todas as lojas de Ciudad del Este, mas as lojas que não aderiram acabaram pegando “carona” com o aumento de consumidores em busca de descontos. Sem promover descontos reais, essas lojas acabaram marcando negativamente a primeira edição do evento que ficou conhecida como “Black Fraude”.

Diante das previsões facilmente superadas na primeira edição, no mesmo ano, no mês de novembro rolou a segunda edição do evento. Com o caso da “Black Fraude” ainda circulando pelas redes sociais, mesmo com uma adesão maior das lojas de Ciudad Del Este, a segunda edição acabou não atingindo as expectativas de público e volume de negócios previstas.

Desde a segunda edição, o mês oficial da Black Friday em Ciudad Del Este é novembro. O evento voltou a ser grande e ter uma adesão de mais de 80% das lojas a partir de 2015. Também desde 2015, é preciso ficar atento a algumas peculiaridades da Black Friday CDE para poder aproveitar o evento em sua totalidade.

Baseado em tudo que rolou na Black Friday CDE 2017, que nós acompanhamos bem de pertinho, preparamos algumas dicas para te ajudar a se preparar para a Black Friday CDE 2018.

Ponte da Amizade | Foto: Rafael Guimarães

Para ir ao Paraguai utilize nosso moderno sistema de transportes ou contrate o Transflixⓡ | Foto: Rafael Guimarães

A Black Friday em Ciudad del Este não dura apenas um dia

Embora a Black Friday em Ciudad del Este tenha uma data oficial, boa parte das lojas não resiste à tentação e “queimam a largada” até uma semana antes. Nos últimos anos do evento, muitas lojas iniciaram suas promoções antes da data correta e muitas ainda prolongaram suas ofertas nos dias posteriores ao evento. O que poderia ser uma vantagem para os consumidores, acaba se tornando uma tremenda desvantagem pois, os itens cuja oferta se mostrou mais vantajosa foram os primeiros a esgotar os estoques e no dia do evento já não estavam disponíveis para venda.

DICA: Venha com alguns dias de antecedência.

Baixe nosso Guia de Compras no Paraguai e tenha acesso as melhores lojas de Ciudad del Este

Baixe nosso Guia de Compras no Paraguai e tenha acesso as melhores lojas de Ciudad del Este

Novidades e lançamentos não entram nas promoções

Se você está aguardando a Black Friday em Ciudad del Este para comprar aquele lançamento que acabou de ser anunciado, aquele produto, digamos, “top das galáxias” que nem previsão de chegar ao Brasil tem, esqueça. Nas últimas edições do evento, nenhuma dessas novidades entrou em promoção. Na edição de 2017 por exemplo, encontramos muitos modelos “mais antigos” em oferta. Há de se dizer que, as ofertas apresentadas para esses produtos eram realmente muito boas. Em uma única loja, era possível encontrar Tv de Led 32’ com quase US$ 100 de desconto (de US$ 198 por US$ 99,00) e US$ 200 dólares de desconto no iPhone 7 que havia recentemente perdido o posto de “novidade” para sua versão 8.

DICA: Produtos que já saíram da fase de “lançamento” no Paraguai e Estados Unidos ainda podem nem ter sido lançados no Brasil, então ainda são vantagem e provavelmente estarão em oferta.

Leia mais

Confira tudo sobre o bloqueio da Anatel

O bloqueio da Anatel a celulares piratas, assunto que era disseminado desde 2012 nas redes sociais, já era considerado uma lenda quando finalmente no início de 2018 a ANATEL deu início ao processo. Porém, o que era pra acontecer de uma só vez, acabou recebendo um cronograma que transformou o que seria um apagão num processo gradual muito parecido com o que acontece com o sinal analógico de TV hoje em dia.

Caso tenha comprado um celular no Paraguai, confira se ele vai cair no bloqueio da Anatel

Caso tenha comprado um celular no Paraguai, confira se ele vai cair no bloqueio da Anatel | Foto: Pexels

Quando os primeiros celulares (piratas) do estado de Goiás e do Distrito Federal (primeira região do cronograma) começaram a ser afetados pela nova regulamentação o assunto voltou à tona com toda força e uma enxurrada de desinformação tomou conta novamente das redes sociais deixando em pânico pessoas que adquiriram recentemente celulares importados e pessoas que tinham planos de fazer isso nos próximos meses.

Mas afinal de contas, o que são os ditos celulares piratas ou irregulares a que sofrerá o bloqueio da Anatel?

A definição para celular pirata ou irregular não mudou desde o primeiro anúncio lá em 2012, mas nem todo mundo se atentou a essa parte da notícia, então vamos relembrar:

Celular pirata ou irregular é aquele aparelho cujo número IMEI não está registrado no banco de dados da GSMA, associação global de operadoras móveis. O número IMEI funciona como uma impressão digital, cada número é único e assim que o aparelho é enviado ao mercado esse número é registrado na IMEI DB (International Mobile Equipment Identity Database), um banco de dados internacional onde constam todos os números de IMEI dos aparelhos fabricados pelas empresas associadas a GSMA. O acesso ao IMEI DB é restrito, apenas para fabricantes, operadoras e agências reguladoras.

A Anatel disponibiliza em seu site uma consulta onde é possível verificar a situação do IMEI de qualquer aparelho.

Para consultar seu IMEI clique aqui.

Agora que já definimos o que é celular pirata e irregular fica fácil entender que, nenhum aparelho das grandes fabricantes (leia-se LG, Samsung, Motorola, Lenovo, Apple, Xiaomi, Asus, Huawei e outras tantas) não serão afetados por essa regulamentação, independentemente de em que país você os tenha adquirido.

E se a marca/modelo do celular estiver
na lista dos piratas e irregulares?

Mesmo que seu celular seja um dos ditos piratas e/ou irregulares, se você habilitou uma nova linha nele antes do período em que a nova regulamentação entrou ou entrará em vigência em sua região, nada muda. A regulamentação da Anatel vale apenas para novas habilitações de linha nos respectivos aparelhos.

Para saber qual é o cronograma de bloqueios e as respectivas regiões, verifique na publicação oficial da Anatel clicando neste link.

Pronto, agora você já pode retomar seus planos de viagem para Foz e pode colocar na lista de compras aquele smartphone lançamento que todo mundo está comentando.

Veja se vale a pena comprar iPhone no Paraguai.
Youtube Loumar

« Página Anterior